bleeeergh – água suja again!

Entre dúvidas e caminhos

continuamos a andar para trás

nesta estrada bolorenta

vejo o pretérito e o futuro-mais-que-perfeito

e lá sonho estar

este poder não é uma dádiva

desde que aqui cheguei

vindo de lugar incerto

sofro, sonho e sofro novamente

leões olham para mim e não rugem

esguelham-se, deitam e dormem novamente

em cada sonho lembro que aqui é tudo meio estranho

não sei ao certo a razão de ter aqui chegado

só sei que nada sei, socraticamente continuo

pergunto: se isso é assim pra mim

que sou deus

imagine para todos os outros

que deus também são

os biguás, as capivaras, as garças, os jacarés, os colhereiros

as cianobactéricas -cor de gatorade verde-atômico

é – sou água, sou lixo, sou o anti-luxo

sou você, você sou (e) é eu também

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s