Dúvidas

Quando irrompe súbito

um gigantesco muro de dúvidas

A própria bioquímica da realidade onírica

encontra-se ameaçada

Os caminhos do desencontro

cruzam em linhas paralelas

tênues traços que interligam as sinapses distantes

um cérebro-diamante.

Uma constante

farfalhar de páginas

em branco linhas tortas

descrevem círculos eternos

concêntricos pensamentos

se avolumam, escorrem, caem uns em cima dos outros

saca mil livros numa estante que despenca

dentro da sua mente

eles ruem como uma parede de pó

descem loucos na ladeira sem fim

da ilusão do buraco sem fundo

que tá rolando agora.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s